gratta-180x90

Seguro Notícias

O seu portal de seguros

FENACOR: estudo mostra desempenho do mercado até julho

30 de setembro de 2015

crescimentomercadoA FENACOR está disponibilizando a terceira edição do estudo “Estatísticas de Seguros – Dados por Estados”, a qual detalha o desempenho do mercado de seguros por regiões e estados, de janeiro a julho de 2015.

O estudo, divulgado mensalmente, é mais uma importante ferramenta para ajudar os corretores de seguros a definirem estratégias de negócios e seu reposicionamento no mercado, quando for o caso.

Além disso, visa a ajudar a corrigir um dos principais gargalos do setor de seguros: a escassez de estatísticas confiáveis sobre o desempenho do setor.

Ao todo, são três tabelas. A primeira indica a receita acumulada por segmento em todo o mercado; a segunda, a divisão dessa receita por estados; e a terceira, o desempenho apurado em cada região do País. Não estão incluídos apenas os dados referentes ao seguro saúde.

Veja, abaixo, o resultado desse segundo estudo:

Estatísticas – Fenacor (dados até julho/2015):

Na tabela 1, observamos o faturamento acumulado até julho, em dados em 2014 e 2015. Nessa comparação, observamos a variação da receita por ramos. Nesse período, os destaques cabem aos segmentos de pessoas e, sobretudo, VGBL. Já as menores variação ficarem com o mercado de capitalização e os seguros de ramos elementares.

Tabela 1 – Receita Mercado, Brasil Valores Acumulados (sem seguro saúde)

Até julho – R$ bi 2014 2015 Var%
Pessoas 15,5 16,9 9%
Ramos Elementares 36,1 37,5 4%
Total Seguros 51,5 54,4 5%
VGBL 36,8 49,6 35%
Previdência 6,2 6,4 4%
Capitalização 12,4 12,1 -2%
Total Mercado 106,9 122,5 15%

Na tabela 2, a distribuição do faturamento por Estados – dados acumulados de 2014 e 2015. Nesse período, o Estado de São Paulo lidera com, aproximadamente, 42% do total, vindo a seguir os Estados do Rio de Janeiro e de Minas Gerais.

Tabela 2 – Receita total por Seguros, divisão por Estados (sem seguro saúde)

UF – Até julho (%) 2014 2015 Var%
AC 0,1% 0,1% 0,0%
AL 0,4% 0,4% 0,0%
AM 0,5% 0,5% 0,0%
AP 0,0% 0,1% 0,0%
BA 2,8% 3,3% 0,4%
CE 2,0% 2,4% 0,4%
DF 2,1% 2,1% 0,0%
ES 1,0% 1,0% 0,0%
GO 3,2% 3,4% 0,2%
MA 0,5% 0,5% 0,0%
MG 8,4% 8,5% 0,1%
MS 0,8% 0,7% -0,1%
MT 1,0% 0,9% -0,1%
PA 0,7% 0,7% 0,0%
PB 0,5% 0,6% 0,2%
PE 2,5% 2,5% 0,0%
PI 0,3% 0,3% 0,0%
PR 6,5% 6,3% -0,1%
RJ 11,8% 11,8% 0,0%
RN 0,4% 0,4% 0,0%
RO 0,3% 0,3% 0,0%
RR 0,0% 0,0% 0,0%
RS 6,1% 6,5% 0,4%
SC 3,6% 3,9% 0,3%
SE 0,2% 0,3% 0,0%
SP 44,1% 42,3% -1,7%
TO 0,2% 0,2% 0,0%
TOTAL 100% 100% 0,0%

Já a tabela 3 apresenta essa mesma distribuição por regiões do país. Em destaque, a região Sudeste, com quase 65% da receita da União, com queda quando comparamos ao mesmo período do ano anterior.

Tabela 3 – Receita total por Seguros, divisão por Regiões (sem seguro saúde)

Regiões – Até julho (%) 2014 2015 Diferença
Norte 1,8% 1,9% 0,1%
Nordeste 9,6% 10,6% 1,0%
Centro-Oeste 7,2% 7,1% 0,0%
Sudeste 65,3% 63,6% -1,6%
Sul 16,1% 16,7% 0,6%
Total 100% 100% 0,0%

Fonte: Fencor