gratta-180x90

Seguro Notícias

O seu portal de seguros

CPES coloca em debate riscos agropecuários no Brasil

29 de julho de 2017

Estudo divulgado recentemente pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) e pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) estima que a produção nacional de grãos deverá chegar a 288,2 milhões de toneladas nos próximos 10 anos, um crescimento de 51 milhões de toneladas em relação à atual safra (2016/2017), de 237,2 milhões, o que representa incremento de 21,5%.

De acordo com outro estudo recente, este do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos, o setor agropecuário brasileiro é um dos que apresenta maior ritmo de crescimento no mundo. A pesquisa apontou que, entre 2006 e 2010, o rendimento da agropecuária aumentou 4,28% ao ano no Brasil. O País é seguido pela China (3,25%), Chile (3,08%), Japão (2,86%), Argentina (2,7%), Indonésia (2,62%), Estados Unidos (1,93%) e México (1,46%).

O segmento, no entanto, é vulnerável a diversos riscos, principalmente aqueles relacionados a fenômenos naturais, como secas, temporais, pragas, entre outros.

Para discutir as ferramentas e os enfoques para a análise dos principais riscos aos quais a atividade agropecuária (primária) está exposta, e informar sobre os instrumentos de gestão de risco disponíveis e em uso no Brasil, o Centro de Pesquisa e Economia do Seguro (CPES), da Escola Nacional de Seguros, irá promover o seminário “Avaliação de Riscos na Agropecuária”.

O evento será no dia 31 de agosto, a partir das 18h30, no auditório da Sociedade Nacional de Agricultura (SNA), no Centro do Rio de Janeiro (RJ).

As inscrições são gratuitas e devem ser feitas no site do CPES, cpes.org. Outras informações podem ser solicitadas pelo telefone (21) 3380-1023 ou e-mail pesquisa@funenseg.org.br.

ALE